​TAURUS É CONDENADA A PAGAR INDENIZAÇÃO NO BRASIL

Este é o Cabo da Polícia Militar de São Paulo, Carlos Alberto de Oliveira, que no ano de 2008 foi vítima de um disparo acidental de arma de fogo, motivado por queda e sem o acionamento do gatilho. Na ocasião o Cb Alberto portava uma  pistola PT 100 da Taurus, calibre .40S&W, que ao cair ao chão, disparou e atingindo sua perna direita. Em decorrência do acidente o policial não pode mais fazer exercicios físicos e assim adquiriu sobrepeso e outras doenças, além do trauma que irá carregar para o resto da vida.

Em 2016 a Forja Taurus foi condenada a pagar uma indenização ao CB Alberto que recebeu algo em  torno de  70 mil reais, que na verdade é uma paga vergonhosa, considerando que o policial foi alvejado pelo calibre. 40, que é destruidor!

Um precedente importante deste caso é que mesmo estando a vítima portando uma arma da corporação, ele foi considerado como consumidor. E na verdade todos policiais que se envolveram em acidentes com armas da Taurus sem o acionamento do gatilho devem ser assim considerados, como consumidores que são.

A frente colocamos as decisões judiciais do caso:

– Sentença de primeiro grau.

https://drive.google.com/file/d/0B58eEmsAf-PjOTBacWFUMS14TWM/view?usp=drivesdk
– Acórdão do TJSP.

https://drive.google.com/file/d/0B58eEmsAf-PjRXdZT1R3aWEwMjA/view?usp=drivesdk
– Decisão  do STJ

https://drive.google.com/file/d/0B58eEmsAf-PjdUNQdmk5SFJTOXc/view?usp=drivesdk

Mas não é só no Brasil que a Taurus já foi condenada por problemas graves em suas armas. Nos EUA a Forjas Taurus teve que pagar uma indenização milionária – TAURUS FAZ ACORDO DE 39 MILHÕES DE DÓLARES POR CAUSA DE PISTOLAS COM DEFEITO NOS EUA!!

Em outros países existem condenações altíssimas porque a esposa mexeu no celular do marido – Mulher descobre traição em WhatsApp do marido e é multada em R$ 140 mil por invasão de privacidade, enquanto que aqui nas terras tupiniquins um policial leva um tiro de .40 na perna ou no peito, como no caso do Policial Civil de Brasília, e o judiciário indeniza a vítima míseros 70 mil reais. Coisas do Brasil!

As falhas nas armas da Taurus comprovadas por laudos e sentenças julgadas nas últimas instâncias judiciais de nosso país. Vários casos e novas vítimas a cada dia estouram na Internet junto com vídeos inquestionáveis. Você que está com uma pistola da Taurus na cintura, você se sente seguro?

 

PT 100 CAI, DISPARA E FERE PM EM SANTA CATARINA

Este caso gravíssimo aconteceu em Santa Catarina e teve como vítima o Soldado da PM SC Josué da Rosa Soares, inclusive as informações para esta publicação foram fornecidas pela própria vítima.

Foto da pistola PT 100 no momento do acidente.

No dia 08 de fevereiro de 2015 o Sd Soares estava de serviço portando sua pistola PT 100 PLUS no coldre de seu colete antibalístico, quando se abaixou para amarrar o cadarço de seu coturno a PT 100 caiu do coldre, bateu no chão e disparou. O disparo atingiu sua cocha, atravessou o membro e se alojou na parte superior, o que obrigou o Sd Soares a fazer uma cirurgia para a retirada do objeto. 

Como a primeira foto mostra a pistola PT 100 estava travada e mesmo assim ela disparou. Outro detalhe importante é que o cartucho deflagrado permaneceu dentro da câmara da arma, fato que aconteceu em vários outros casos de disparos por queda de arma de fogo, envolvendo armas da Taurus.

Há dois dias postamos outro acidente, também com uma PT 100 onde um policial morreu nas mesmas circunstâncias deste caso – PT 100 CAI, DISPARA E MATA PRF!

Felizmente neste caso o policial não morreu, mas correu um risco altíssimo, pois se o disparo atingisse sua artéria femoral com certeza ele perderia a perna ou morreria.

Infelizmente um caso novo aparece a cada dia, a cada dia uma pessoa, um pai de família que é ferido, mutilado ou morto. Você que tem uma arma da Taurus na cintura, você está seguro com ela? Cuidado, você pode ser a próxima VÍTIMA DA TAURUS!

PT 100 CAI, DISPARA E MATA PRF!

No dia 30 de setembro de 2016 o Agente da PRF Ivanaldo Alves estava entrando de serviço, armado com uma pistola PT 100, da Taurus, calibre. 40S&W, e quando se abaixou para pegar um objeto no chão, sua arma caiu do coldre que estava no colete antibalístico e disparou, atingindo o PRF na face. Seus amigos policiais ainda tentaram dar socorro à ele, mas já estava morto.

O fato aconteceu em Nova Olinda do Maranhão e foi noticiado Pelo Jornal Virtual TV GUARA – Pistola dispara e agente da Polícia Rodoviária Federal morre acidentalmente

O Núcleo de Comunicação da PRF fez a seguinte mensagem explicando o fato:

Mais um policial que morre com um disparo de uma arma da Taurus sem o acionamento do gatilho. As testemunhas oculares provam o que as perícias não estão conseguindo reproduzir, pois os métodos usados são ineficientes. 
Quantas outras mortes ainda terão que acontecer até que se faça alguma coisa? Você que está com uma pistola Taurus na cintura, você está seguro? Cuidado, você pode ser a próxima VÍTIMA DA TAURUS!

PT 100 COM PROBLEMAS NA TRAVA DE SEGURANÇA

A PT 100 era ainda um dos poucos modelos que passava um mínimo de confiança aos policiais do Brasil, mas ao que parece a má qualidade das armas da Taurus está em todos os seus modelos.

Este vídeo foi gravado por policiais da PM de Santa Catarina e chegou até nós pelo WhatsApp, por isso não temos muitas informações, mas ele fala por si mesmo. 

É mais um entre os inúmeros casos vergonhosos que envolvem o nome da Taurus.